terça-feira, 27 de fevereiro de 2018

Caso do bebê encontrado em lixão de Vargem Grande ganha repercussão estadual


Por Blog do Alpanir Mesquita.

O caso do bebê do sexo masculino recém-nascido que foi encontrado por populares nas primeiras horas da manhã desta terça-feira (27) em um lixão de Vargem Grande repercutiu em todo Maranhão (reveja). A criança foi socorrida por uma mulher de nome Reciane Mendes, que o levou ao Hospital Municipal Benito Mussoline e em seguida o acompanhou até o Hospital da Criança, em São Luís.

O caso ganhou destaque nas redes sociais e muitas pessoas mostraram revolta com o abandono de recém-nascido. O crime tem pena prevista de detenção de 1 a 3 anos. Caso tivesse resultado em morte, a pena aumentaria de 2 a 6 anos. A polícia investiga o caso de perto e já tem fortes evidências para solucioná-lo, mas o Blog prefere não adiantar nenhuma informação para não atrapalhar o trabalho dos policiais. O JMTV segunda edição, da TV Mirante, afiliada da Rede Globo no Maranhão, destacou o fato.

3 comentários:

  1. A policia tem que descobrir quem foi esse homem que achou. Porque quem não deve, não teme.
    Essa história está muito mau contada.
    Que descubram quem foi esse mostro, que não tem espírito materno.

    ResponderExcluir
  2. Verdade que a mulher que achou o bebê,é a propia mãe?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É verdade sim. Essa vagabunda

      Excluir