segunda-feira, 13 de janeiro de 2020

Novos Conselheiros Tutelares de Vargem Grande são empossados

Posse dos conselheiros tutelares de Vargem Grande.
Por Blog do Alpanir Mesquita.

Foi realizada na manhã desta sexta-feira (10), no auditório da secretaria municipal de Assistência Social, a posse dos novos conselheiros tutelares de Vargem Grandes. Eleitos pela população em outubro, os cinco representantes cumprirão mandato de quatro anos, ou seja, até 2024.

O ato contou com a presença do prefeito Carlinhos Barros, da secretária de Assistência Social Olene Barros, da presidente do CMDCA Nubiene Costa, de vereadores, de secretários e demais representantes do governo municipal, dos conselheiros e de seus familiares, além de toda equipe técnica da Semas.

Os conselheiros tutelares eleitos e empossados fizeram o juramento de garantir a defesa dos direitos das crianças e dos adolescentes do município, sendo eles, Maria do Carmo Braz de Carvalho (1.775 votos), Rosineide Maria Silva (1.140), Jannyelle Coelho da Silva (1.134), Luciana Montelo Silva (1.049) e Geovâneo de Sousa Matos (1.009). Eles atuarão pelo próximo quadriênio (2020-24).

Em sua fala, o prefeito Carlinhos Barros destacou o apoio que a gestão municipal tem dado ao conselho tutelar, a exemplo da entrega da sede própria do órgão, um antigo sonho, além de proporcionar todas as condições de trabalho materiais e humanas necessárias para seu pleno funcionamento, ou seja, um balanço bastante positivo. O prefeito ainda falou que está conseguindo junto ao Ministério do Trabalho uma parceria para transformar as multas aplicadas em empresas em benefícios para o CT, tais como mobiliário e equipamentos em geral. "Temos que manter sempre o conselho tutelar fortalecido para garantir os direitos de nossas crianças e adolescentes", finalizou.

"O mesmo olhar que o conselho tutelar tem na defesa dos direitos das crianças e dos adolescentes vargem-grandenses, é o meu. Por isso, não meço esforços para que esses direitos sejam assegurados", garantiu a secretária Olene Barros.

O vereador Luzilvan Monteiro, que também já foi conselheiro tutelar, falou das dificuldades enfrentadas na época. "Não tínhamos essa estrutura que o prefeito Carlinhos Barros dá hoje, não tínhamos nem acesso aos secretários daquela gestão. Trabalhávamos totalmente sem apoio", disse o parlamentar.

VEJA TAMBÉM:

Nenhum comentário:

Postar um comentário